Você sabe o que é dentição decídua?

A dentição decídua ou primeira erupção dentária ocorre quando os dentes atravessam, pela primeira vez, a gengiva do bebê e se tornam visíveis dentro da boca. Pode ser um momento frustrante para os bebês e para você. Por isso, saber o que esperar durante a dentição decídua e adquirir ferramentas para torná-la um pouco menos dolorosa pode te ajudar.

Quando começa a dentição?

Embora a dentição possa começar logo, por volta dos 3 meses de idade, é provável que você veja o primeiro dente a aparecer quando o seu bebê tiver entre 4 e 7 meses de idade.

Os primeiros dentes a aparecer, geralmente, são os dois dentes anteriores inferiores, também conhecidos como incisivos centrais. Geralmente são seguidos, dentro de 4 a 8 semanas , pelo surgimento dos quatro dentes superiores da frente (incisivos centrais e laterais). Cerca de um mês depois, os incisivos laterais inferiores (os dois dentes que flanqueiam os inferiores da frente) aparecerão.

Os próximos a surgir, normalmente, são os primeiros molares (os dentes de trás usados ​​para moer os alimentos) e, finalmente, os dentes caninos (os dentes pontudos na mandíbula superior). A maioria das crianças tem todos os 20 dentes decíduos por volta do seu terceiro aniversário.

Em alguns casos raros, as crianças nascem com um ou dois dentes ou surgem com um dente nas primeiras semanas de vida. A menos que os dentes interfiram na alimentação ou que estejam soltos o suficiente para representar um risco de asfixia, isso geralmente não é motivo de preocupação.

Quais são os sinais da dentição decídua?

Quando os dentes começam a querer surgir, as crianças tendem a babar mais e querer mastigar mais os objetos. Para alguns bebês, a dentição é indolor. No entanto, outros podem ter breves períodos de irritabilidade que podem se estender por semanas, com alteração nos padrões do sono e da alimentação.

A dentição, geralmente, não causa febre alta ou diarréia. Se o seu bebê desenvolver febre durante a fase de dentição, provavelmente algo mais está causando a febre e você deve entrar em contato com o seu médico.

Como eu posso facilitar a dentição?

Aqui estão algumas dicas a serem lembradas nesta fase:

  • Limpe – delicadamente – o rosto do bebê com um pano para remover a baba e impedir o desenvolvimento de erupções cutâneas;
  • Esfregue as gengivas do bebê com um envolvido em uma fralda de pano limpa;
  • Dê ao seu bebê algo para mastigar. Certifique-se de que é grande o suficiente para que não possa ser engolido ou engasgado e que não possa se partir em pedaços pequenos. Um pano úmido colocado no freezer por 30 minutos é um útil auxiliar de dentição. Retire-o do freezer antes que fique duro – você não deseja machucar as gengivas já inchadas – e lave-o após cada uso;
  • Os anéis de borracha para dentição também são bons, mas evite aqueles com líquido dentro pois podem quebrar ou vazar. Se você usar um anel de dentição, refrigere-o na geladeira, mas não no freezer. Além disso, nunca os ferva para esterilizar – mudanças extremas de temperatura podem causar danos ao plástico e levar ao extravasamento de produtos químicos;
  • Biscoitos de dentição e alimentos congelados só são bons para crianças que já comem alimentos sólidos. Não os use se seu filho(a) ainda não estiver nesta fase;
  • Não use colares de dentição feitos de âmbar. Isso pode causar estrangulamento ou asfixia se as peças se romperem;
  • Não use géis e comprimidos para dentição, pois eles podem não ser seguros para bebês;

Como devo cuidar dos dentes do meu bebê?

O cuidado e a limpeza dos dentes do seu bebê são importantes para a saúde dental a longo prazo. Mesmo que o primeiro conjunto de dentes de leite não seja permanente, a cárie pode levar a uma queda precoce, deixando espaços na gengiva antes que os dentes permanentes estejam prontos para entrar. Os dentes decíduos restantes podem, então, se amontoar para tentar preencher os espaços, podendo levar a alterações permanentes na boca da criança.

O atendimento odontológico regular deve começar mesmo antes do primeiro dente do bebê. Assim que o primeiro dente aparecer, escove-o com água e pasta de dente, usando apenas uma pequena quantidade.

Quando todos os dentes do seu bebê tiverem descido, tente escová-los pelo menos duas vezes ao dia e, principalmente, após as refeições. Além disso, é importante acostumar as crianças ao uso regular do fio dental .

Outra dica importante para prevenir a cárie dentária é jamais deixar o seu bebê adormecer com uma mamadeira. O leite pode se acumular na boca do bebê e levando a surgimento de cáries e/ou placas.

Deixe um comentário